Nosso canal no Youtube

Fisiologia Vegetal no Youtube (nossos filmes)

Apresentação

O PortalOrganizadoresPolítica de publicaçãoGlossário do PortalMapa e Funcionamento

Fundamentos de Fisiologia Vegetal

- Conhecimento em Fisiologia Vegetal (5)- Bioquímica (1)

Relações Hídricas

- Potencial hídrico (4)- Difusão, osmose, e embebição (6)- Transporte de curta distância (5)- Transporte de longa distância (6)- Artigos Científicos (3)- Questionários respondidos (2)

Fotossíntese

- Fotoquímica (5)- Bioquímica (4)- Trocas Gasosas (6)- Artigos Científicos (3)- Questionários respondidos (2)

Nutrição Mineral

- Nutrientes minerais (4)- Transporte através de biomembrana (3)- Solo e Raiz (8)- Artigos Científicos (1)- Questionários respondidos (3)

Fenologia & Arquitetura

- Teoria (1)- Artigos Científicos (6)

Nosso canal no youtube

Fisiologia Vegetal no Youtube (nossos filmes)

Online

Temos 5 visitantes online.

Artigos de - Artigos Científicos (6)

Lista de artigos
Pesquisar artigos



A análise de redes em copas de árvores de Cerrado delimita grupos funcionais - (Artigo Científico)
Downloads: 220     Tamanho: 283 kB






Síntese:

Grupos fenológicos foliares das árvores do Cerrado (decíduas, semidecíduas e sempre verdes) foram estudadas usando uma rede representativa composta por nós e conectores (links) para descobrir as características estruturais da copa. Um nó denota a origem de um ramo e um link representa o ramo emergindo ou chegando em um nó. A representação da rede geralmente resultou em um desenho com três conectores por nó e duas vezes mais conectores  que nós para cada grupo fenológico foliar. Foi possível identificar quatro tipos de nós de acordo com a posição e o número de conectores : nó inicial, regular, de emissão e final. O número de conectores  e nós e a distância em conectores  entre os dois tipos de nós diminuiu de sempre verdes para decíduas. A copa com poucos nós e conectores e uma curta distância em conectores  entre os tipos de nós poderia facilitar o rápido desabrochar da folhagem em ramos sem folhas no final da estação seca em árvores decíduas. Em contraste, a folhagem persistente das espécies sempre verdes poderia facilitar o fluxo em massa a partir de novas folhas produzidas durante o ano inteiro em uma copa com um elevado número de conectores  e nós e com uma grande distância em conectores entre nós. Há uma clara interdependência entre o grau de deciduidade foliar e a  estrutura da copa em espécies de árvores do Cerrado. Portanto, existem grupos funcionais das árvores na vegetação do Cerrrado que são caracterizados pela ramificação da copa que está associada com a deciduidade foliar.