Nosso canal no Youtube

Fisiologia Vegetal no Youtube (nossos filmes)

Apresentação

O PortalOrganizadoresPolítica de publicaçãoGlossário do PortalMapa e Funcionamento

Fundamentos de Fisiologia Vegetal

- Conhecimento em Fisiologia Vegetal (5)- Bioquímica (1)

Relações Hídricas

- Potencial hídrico (4)- Difusão, osmose, e embebição (6)- Transporte de curta distância (5)- Transporte de longa distância (6)- Artigos Científicos (3)- Questionários respondidos (2)

Fotossíntese

- Fotoquímica (5)- Bioquímica (4)- Trocas Gasosas (6)- Artigos Científicos (3)- Questionários respondidos (2)

Nutrição Mineral

- Nutrientes minerais (4)- Transporte através de biomembrana (3)- Solo e Raiz (8)- Artigos Científicos (1)- Questionários respondidos (3)

Fenologia & Arquitetura

- Teoria (1)- Artigos Científicos (6)

Nosso canal no youtube

Fisiologia Vegetal no Youtube (nossos filmes)

Online

Temos 1780 visitantes online.

Artigos de - Transporte de longa distância (6)

Lista de artigos
Pesquisar artigos



Capilaridade e gradiente hidrostático no caule - (Teoria)
Downloads: 410     Tamanho: 111.52 KB






Síntese:

A força capilar do lúmen das células condutoras do xilema pode elevar a coluna de água até cerca de 1,0 m de altura. Em plantas herbáceas pequenas essa altura é suficiente para atender a demanda por água nas folhas mais altas. No entanto, espécies lenhosas arbustivas e principalmente arbóreas necessitam de uma coluna de água em movimento que atinja vários metros de altura. O gradiente de tensão da coluna de água no caule, nos ramos e nas folhas causado pela sucção da copa é necessário para manter um fluxo de massa até vários metros de altura. Para um determinado gradiente de tensão na coluna de água no xilema do caule a velocidade do fluxo em massa depende fortemente do diâmetro do elemento condutor no xilema.